Pesquisa:
 

Terça-feira, 1 Março 2011 11:50

BRASIL
Políticos em guerra por causa de direitos de casais gays no IRS



A recente decisão que permite a gays e lésbicas colocarem parceiros como dependentes tem posto em pé-de-guerra a bancada evangélica.


Os deputados Ronaldo Fonseca e João Campos, presidente da Frente Parlamentar Evangélica, apresentarem esta segunda-feira uma ação popular na Justiça Federal para barrarem a inclusão de parceiros do mesmo sexo como dependentes na declaração do IRS.

A decisão foi tomada pelo ministro das Finanças, Guido Mantega e os deputados alegam que a medida só poderia ser adotada por meia da aprovação de proposta legislativa.

O parlamentar argumenta que a medida pode abrir um precedente perigoso e que amanhã irmão e filhos maiores de 18 anos poderão entrar na Justiça e requerer também a inclusão dos seus nomes para dedução do IRS.

Entretanto Jean Wyllys, primeiro deputado federal que foi eleito sendo abertamente homossexual, já contra-atacou e questiona "por que as igrejas não prestam contas à sociedade. Se os partidos políticos prestam, por que igrejas não?".

Esperemos pelos próximos desenvolvimentos.

Pode também ter interesse em:

 
On-Line
Arquivo Notícias (2011)
© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?


Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas QUATRO e CINCO.
Depois clique em OK.

© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal