ÁFRICA DO SUL: Bispo diz que gays são mais confusos que os cães e vai parar ao tribunal (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Terça-feira, 27 Novembro 2018 11:29

ÁFRICA DO SUL
Bispo diz que gays são mais confusos que os cães e vai parar ao tribunal



Um bispo foi levado a tribunal na África do Sul depois de afirmar que os homossexuais eram mais baixos do que os animais - e mais confusos do que os cães.


O Tribunal de Igualdade de Port Elizabeth ouviu uma queixa feita contra o bispo Joshua Maponga sobre um sermão anti-homossexual que ele deu em 13 de janeiro, informa o The Weekend Post.

A denúncia foi feita por Zolani Simayi, membro da congregação, que reportou os termos negativos usados pelo bispo ao falar sobre pessoas gays durante uma missa na Igreja Adventista do Sétimo Dia em KwaMagxaki, nos subúrbios de Port Elisabeth.

Zolani Simayi explicou que o bispo sugeriu que...

O ato de machos dormindo com machos é uma manifestação de que os seres humanos ficaram abaixo dos animais. O sermão foi inapropriado. Foi baseado na violação dos direitos e dignidade das pessoas LGBTI. Todos temos direito à liberdade de expressão, mas esse direito não é absoluto - tem limitações. Não pode ser usado para pregar o ódio ou infringir os direitos e dignidade de outros. Zolani Simayi, sobre o sermão de Maponga

O bispo Maponga defendeu-se dizendo que pediu desculpas duas vezes a Simayi, mas acrescentou: “Ele não pode me pendurar em uma cruz - não posso mudar a Bíblia”. O bispo disse que fez o sermão no contexto da Epístola aos Romanos. Num pedido de desculpas por escrito à Comissão de Direitos Humanos da África do Sul, Maponga disse:

É lamentável que eu tenha usado a ilustração de 'cães' para explicar o texto bíblico. Sinto muito pela dor que causei e entendo a seriedade da questão do direito de ser tratado com dignidade e da pregação do evangelho sem desumanizar outras pessoas. A extensão dos danos causados ​​pelo debate e pelo sermão não pode ser revogada. Maponga, à Comissão de Direitos Humanos

Mas Simayi rejeitou as desculpas do bispo, dizendo que o bispo deve assumir total responsabilidade e ser específico sobre o seu arrependimento. Uma audiência deve ser agora agendada em Tribunal. A Igreja Adventista do Sétimo Dia disse que Maponga não era funcionário da igreja.

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas CINCO e SETE.
Depois clique em OK.

© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal