INTERNET: Instagram baniu, durante algumas horas, conta de Tom of Finland (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Quinta-feira, 3 Outubro 2019 22:28

INTERNET
Instagram baniu, durante algumas horas, conta de Tom of Finland



A fundação que luta contra a censura à arte erótica foi alvo da censura do gigante das redes sociais por umas horas


Segundo o site Advocate a Tom of Finland Foundation recebeu uma breve missiva do Instagram na manhã de quinta-feira informando-os do fecho permanente de sua conta, @tomoffinlandfoundation.

Excluímos permanentemente a sua conta de nossos servidores; porque a sua conta violou nossas diretrizes da comunidade.
Nós o alertamos sobre isso, mas continuaram a violar as diretrizes da comunidade. Tais contas nunca são reativadas.
Cumprimentos.
 Instagram

Embora nem o Instagram, nem o Facebook que é dono da empresa, tenham confirmado a autenticidade da carta, a conta foi realmente banida e o endereço original apareceu pelo menos durante algumas horas como "Utilizador não encontrado". A situação foi, entretanto, ultrapassada.

Mas o momento do desaparecimento da conta é particularmente "suspeito", diz o vice-presidente da fundação, S. R. Sharp. A fundação está atualmente no meio do seu 24º festival anual de arte e cultura Tom of Finland, que acontece na casa particular do artista... e qual o tema deste ano? Censura.

Estamos neste momento a apresentar artistas na casa que tiveram as suas contas [do Instagram] desativadas. Acho que muito mais pessoas estão conscientes da nossa existência. Há muito mais pimenta nos atacando quanto mais visíveis nos tornamos.
E quanto mais nos tornamos um alvo.
 S. R. Sharp, Tom of Finland Foundation

Sharp disse à Advocate que a fundação entrou em contato com o Instagram e está trabalhando para resolver os problemas que surgiram, mas ainda não recebeu uma explicação concreta do que aconteceu.

A Tom of Finland Foundation dedica-se há mais de 25 anos a proteger, preservar e promover a arte erótica.

A fundação tem o nome do artista gay Touko Valio Laaksonen, que sob o nome de Tom of Finland produziu arte homoerótica consumida em todo o mundo até sua morte em 1991. A sua obra de arte estave no centro do caso no Suprema Tribunal dos EUA de 1962, MANual Enterprises v. Day, que determinou que as fotografias de homens nus não eram inerentemente obscenas.

A arte de Laaksonen ajudou também a definir uma geração de trabalho queer durante uma era de repressão sexual por parte dos estados. A situação parece agora aplicar-se também no mundo das mega redes sociais do século XXI.

INTERNET: Instagram baniu, durante algumas horas, conta de Tom of Finland

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2019 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas SEIS e OITO.
Depois clique em OK.

© 1996-2019 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal