Reportagem: Montréal 2006 - Cerimónia de Abertura (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
 
Parceiro PortugalGay

Reportagem

Montréal 2006 - Cerimónia de Abertura

Foto Reportagem

Cerimónia de Abertura

Orgulho, excitação e euforia preenchera o Estádio Olímpico de Montréal, Canadá, na noite de 29 de Julho com as cerimónias de abertura dos primeiros OutGames.

Enquanto o estádio ia sendo preenchido, os espectadores iam ouvindo os nomes dos mais de 20 países onde ser gay ou lésbica é considerado um crime. Durante a entrada dos atletas, esses países foram recordados e ouvida uma ouvação pelos espectadores.

Mais de 12'000 atletas preencheram o relvado em volta do palco que serviu de base de um espectáculo audio-visual que envolveu todo o estádio. A audiência de mais de 40'000 pessoas foi animada por nomes como k.d. lang, Cirque de Soliel, Martha “It’s Raining Men” Wash e favoritos Canadianos como Deborah Cox, Sylvie Desgroseilliers, Diane Dufresne and Jonas. As boas vindas incluiram a apresentação da Declaração de Montreal, um documento que pretende ser pedra de toque para mudar a forma como os governos e organizações desportivas devem tratar as pessoas LGBT e conceder-lhes direitos humanos e civis plenos.

Entre as personalidades nos discursos esteve o presidente da Câmara de Montreal, Gerald Tremblay, assim como representantes dos governos estadual e federal. A Gay and Lesbian International Sports Association (GLISA) também esteve presente com os seus Secretários Gerais Catherine Meade de Halifax e Thomas K. Dolan de Vancouver. "Não existe desporto LGBT, existem apenas pessoas LGBT com energia para jogar desportos", afirmou Dolan.

Mark Tewksbury, vencedor de uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos, juntou-se então nas boas-vindas aos atleatas. "Quando nadei nos Olímpicos de Seoul sentía-me completamente sozinho. Agora já não estou sozinho." disse. "Todos junto conseguimos fazer isto acontecer". Mais tarde Tewksbury voltou ao palco com a tenista Martina Navritilova. Juntos apresentaram a Declaração de Montréal aos atletas que representavam 111 países. Navritilova e Tewksbury encerraram a apresentação em uníssuno: "Irmãos e irmãs de todo o mundo, nós somos Muçulmanos, Cristãos, Judeus, Ateus, Budistas, Hindus, Sikhs. Nós somos humanos!”

Após os discursos desenrolou-se um programa de animação que passou desde o rock ao disco com artes performativas pelo meio. Entre as várias actuações vídeos de personalidades Canadianas que davam as boas vindas a Montreal. O primeiro foi por Dr. Rev. Brent Hawkes, o primeiro pastor a celebrar um matrimónio entre pessoas do mesmo sexo no Canadá. O último ficou reservado para a favorita de Montréal, Céline Dion.

E que comecem os jogos!.

Fotos

Montréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de AberturaMontréal 2006 - Cerimónia de Abertura



Reportagens Montréal 2006

31 Julho 2006
 
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas UM e OITO.
Depois clique em OK.

© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal