Pesquisa:
 

Sexta-feira, 25 Julho 2014 09:51

ARGÉLIA
Mariela Castro, activista LGBT, não estava no voo da Air Algerie



Os rumores de que a sobrinha de Fidel Castro, conhecida defensora da comunidade LGBT, estaria no voo da Air Algerie AH5017 que se encontra desaparecido, revelaram-se infundados.


Mariela Castro apareceu em direto na Telesur TV, para garantir que estava bem. Ela está em Havana a apresentar a sua tese de doutoramento sobre pessoas trans. Apresentou também as suas condolências pelas dezenas de pessoas que se acredita ter falecido.

No comunicado inicial do aeroporto Ouagadougou lia-se “Entre os passageiro do voo VOL AH5017, estavam presentes dois funcionários da União Europeia de nacionalidade francesa residentes em Ouagadougou e Mariela Castro, sobrinha de Fidel Castro, o antigo líder cubano.”

As autoridades dizem que o avião desapareceu enquanto sobrevoam o Mali. Os pilotos terão contactado a torre de controlo da Nigéria em Niamey para reportar uma alteração de rumo, porque estavam a aproximar-se de uma tempestade. O voo nunca chegou a Algiers, e segundo as últimas informações terá se despenhado com 110 pessoas a bordo.

ARGÉLIA: Mariela Castro, activista LGBT, não estava no voo da Air Algerie

Pode também ter interesse em:

 
On-Line
Arquivo Notícias (2014)
© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?


Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas UM e SEIS.
Depois clique em OK.

© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal