Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Segunda-feira, 7 Setembro 2020 17:01

DINAMARCA
Muito menos suicídios de homossexuais depois da igualdade no casamento



O suicídio entre gays e lésbicas caiu na Suécia e na Dinamarca - e um novo estudo sugere a igualdade no casamento é a razão.


O artigo, divulgado esta semana no Journal of Epidemiology and Community Health, mostrou que os suicídios caíram 46 por cento entre pessoas em uniões do mesmo sexo, em oposição a 28 por cento entre uniões de sexos diferentes, de acordo com a Advocate.

Foram comparados dois períodos: de 1989 a 2002 e de 2003 a 2016. O estudo acompanhou 28.000 pessoas em uniões do mesmo sexo durante uma média de 11 anos.

A Dinamarca legalizou as uniões civis do mesmo sexo em 1989 - tornando-se o primeiro país no mundo a fazê-lo - e o casamento do mesmo sexo em 2012. A Suécia legalizou as uniões em 1996 e o ​​casamento em 2009.

Os pesquisadores defendem que a redução do estigma social que acompanha a igualdade no casamento pode ser responsável pela queda nas mortes. “Legalizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo e outras medidas legislativas de apoio - eles podem realmente reduzir o estigma em torno das minorias sexuais”, disse Annette Erlangsen, principal autora do estudo do Instituto Dinamarquês de Pesquisa para Prevenção do Suicídio. “O casamento protege contra o suicídio”, concluiu Erlangsen.

O estudo também reforçou estudos anteriores mostrando que pessoas LGBT+ são vulneráveis ​​ao suicídio. Em ambos os períodos, os participantes em relacionamentos do mesmo sexo tinham duas vezes mais probabilidade de tirar a própria vida do que seus homólogos heterossexuais. Homens gays e bissexuais estavam especialmente em risco.

Nos Estados Unidos, as leis pró-LGBT+, como igualdade de casamento, estão correlacionadas com uma diminuição da taxa de suicídio entre jovens LGBT+. Estados que aprovaram o casamento do mesmo sexo antes de Obergefell v. Hodges mostraram uma queda de 7 por cento, de acordo com um estudo de 2017.

Jovens transgéneros e queer ainda são um grupo de risco. O Projeto Trevor, em sua primeira Pesquisa Nacional sobre Saúde Mental de Jovens LGBT+, lançada em junho, descobriu que 39 por cento dos jovens LGBT+ consideraram seriamente a tentativa de suicídio nos últimos 12 meses, com mais da metade dos jovens transgéneros e não binários considerando seriamente essa possibilidade.

DINAMARCA: Muito menos suicídios de homossexuais depois da igualdade no casamento

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2020 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas CINCO e OITO.
Depois clique em OK.

© 1996-2020 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Queer Lisboa | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal