Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Quinta-feira, 20 Agosto 2009 10:36

REINO UNIDO
Inicia-se julgamento de mulher que incendiou transexual



Uma transexual (ou um travesti, não se sabe bem) chorou quando descreveu o momento em que lhe foi ateado fogo por uma mulher.


Supostamente tudo aconteceu por a incendiária suspeitar que a vítima lhe tinha roubado coisas, encontrando-se entre elas uma mala Louis Vuitton.

Segundo a acusação, Passos, de 29 anos, e Modesto de 22 tinham vivido uns tempos em casa da vítima, Da Silva, e ao abandonarem a casa deixaram ficar alguns pertences guardados.

Na noite de 8 de Dezembro último, regressaram e pediram a mala e o computador da mulher, Passos. Então ela foi-se embora, mas regressou com gasolina que deitou num recipiente, arremesssando-o então a Da Silva.

Depois de incendiarem a vítima fugiram deixando-a a arder e a tentar apagar as chamas, tendo ficado com 70% do corpo queimado e permaneceu no hospital até Março.

Tanto Passos como Modesto negam tentativa de assassínio.

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2021 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas DOIS e OITO.
Depois clique em OK.

© 1996-2021 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Queer Lisboa | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal