EUA: McDonald's não contrata "paneleiros" (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Quarta-feira, 9 Dezembro 2009 20:07

EUA
McDonald's não contrata "paneleiros"



Uma adolescente transexual da Florida processou a cadeia de fast-food norte-americana McDonald's por discriminação.


Zikeria Bellamy, uma jovem transexual assumida de 17 anos que já vive como mulher há seis, alegou que, em duas ocasiões, o gerente de um restaurante em Orlando negou-se a entrevistá-la por ser transexual.

Bellamy também assegura que um dos responsáveis pela selecção de pessoal lhe deixou uma mensagem no telemóvel em que utilizava linguagem homofóbica quando se referia a ela a justificar os porquês de não a contratarem. "We do not hire faggots" (nós não contratamos paneleiros) foi a frase deixada no telemóvel de Bellamy.

Segundo a cadeia de fast-food, o gerente actuou à margem da política da empresa. "O McDonald's local respondeu que a empresa aplica uma política de tolerância zero para qualquer forma de discriminação", informou de Miami Emilio San Pedro, repórter da BBC.

Os advogados da jovem, membros da ONG TLDEF (Transgender Legal Defense and Education Fund), afirmaram que o caso desta jovem não é isolado.

Segundo um estudo recente deste grupo, 47% dos transexuais nos EUA asseguram terem sido despedidos ou recusados nalgum emprego por causa da sua transexualidade.

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas UM e SETE.
Depois clique em OK.

© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal