Pesquisa:
Recordando Mário Cezariny 1923 - 2006
Parceiro PortugalGay

Quarta-feira, 29 Maio 2019 16:21

LÍBANO
Governo proíbe applicativo Grindr



O Ministério das Telecomunicações emitiu uma nota oficial em 24 de maio proibindo o aplicativo de encontros gays.


De acordo com o jornal Daily Star do Líbano, os operadores de telecomunicações terão de restringir o acesso ao aplicativo Grindr na Internet, bloqueando o endereço IP e o site associados.

Segundo o jornal, o aplicativo deixou de funcionar no fim de semana no serviço estatal Ogero, mas outros serviços de internet ainda não realizaram a mudança.

O grupo LGBT Helem já veio reagir à medida.

Parece que o governo libanês e em particular o Ministério das Telecomunicações não tem interesse em salvaguardar a liberdade de expressão e associação no Líbano e emitiu um memorando na sexta-feira ordenando uma proibição total e imediata do Grindr no Líbano que irá lentamente comece a fazer efeito.
Esta é uma violação grosseira dos direitos e liberdades pessoais. Não nos pararam com as proibições anteriores e não seremos dissuadidos por esta, e devemos sempre continuar nossa marcha firme e determinada em direção à igualdade e à inclusão
 Helem

O grupo aconselhou os utilizadores do Grindr a usar um serviço VPN seguro para contornar a proibição.

A situação legal da homossexualidade é nebulosa no país, com o Código Penal a proibir relações "contrárias às leis da natureza", mas os tribunais superiores anularam condenações relativas a situações consensuais entre adultos. No ano passado o Pride de Beirute foi cancelado depois dos organizadores terem sido detidos pelas autoridades.

LÍBANO: Governo proíbe applicativo Grindr

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2020 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas QUATRO e OITO.
Depois clique em OK.

© 1996-2020 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Queer Lisboa | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal