Índice
On-Line
Notícias

Segunda-feira, 27 Dezembro 2010 12:18

CINEMA
Carrey contra bullies homofóbicos



O ator Jim Carrey revelou que n√£o gosta de pessoas que vivem a intimidar outros com base na sua sexualidade.


"√Č uma coisa horr√≠vel ser v√≠tima de bulling, e se sentir como um p√°ria, √© uma coisa terr√≠vel. E √© tamb√©m uma coisa antiga, uma forma velha e antiquada de pensar que n√£o √© aceit√°vel hoje em dia. N√£o faz parte dos novos paradigmas", diz Carrey de acordo com o site ShowbizSpy.

"Qualquer pessoa que intimide algu√©m por qualquer motivo, n√£o √© meu amigo. Francamente, eu n√£o posso imaginar bater num ser humano, por qualquer raz√£o, exceto auto-preserva√ß√£o, se eu fosse atacado. As nossas sensibilidades s√£o diferentes quando somos mi√ļdos na escola e h√° a mentalidade do grupo, mas n√£o √© nada fixe", disse Carrey.

"Algumas das pessoas mais importantes na minha vida s√£o gays. Pessoas que trazem dons e contribui√ß√Ķes m√°gicas e surpreendentes √† minha vida."

"Eu diria a todas as crianças crianças, que quando se organizam nestes isolamentos forçados de pessoas, um dia vais querer ter essas pessoas na tua vida. Vais precisar dessas pessoas na tua vida, e não vais querer ter isto na tua consciência ", acrescentou.

E não é a primeira vez que Carrey fala contra a homofobia: quando entrevistado por Lettermen em finais de Novembro o actor além de defender gays e lésbicas em geral, foi implacável quando o entrevistador questionou o facto de ele ser um heterossexual a fazer um papel de homossexual. Confira o vídeo abaixo.

Índice
On-Line
Notícias
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados