Pesquisa:
 

Domingo, 26 Outubro 2008 06:46

PORTUGAL
Primeiro Ministro diz que casamento gay "nunca foi discutido na sociedade"



Em entrevista ao Diário de Notícias, o Primeiro Ministro José Sócrates, afirmou que o casamento entre pessoas do mesmo sexo nunca foi discutido na sociedade portuguesa.


Questionado se iria discutir o alargamento do casamento civil para pessoas do mesmo sexo no congresso do PS, José Sócrates respondeu: "Foi o que expliquei: nunca discutimos isso [casamento entre pessoas do mesmo sexo] no partido, nunca discutimos isso na sociedade.", reforçando que "essa questão não foi suficientemente discutida no País para agora um parlamento dizer, de um dia para o outro, que vai aprovar essa lei."

Tendo em conta que houve um debate parlamentar de dois projectos de lei no dia 10 deste mês com ampla cobertura mediática, projectos esses apresentados há mais de dois anos (e que faziam parte do programa eleitoral do Bloco de Esquerda). Que nesse debate também foi apresentada uma petição com 7000 assinaturas sobre o assunto (que o PortugalGay.pt promoveu activamente através do site específico www.casamentocivil.org ). Que a frase "chame-lhe o que quiser só não lhe chame 'casamento'" proferida pela líder do maior partido da oposição, numa entrevista pouco depois de ser eleita, ficou registada na memória dos portugueses. Que as marchas do orgulho LGBT de Lisboa e do Porto tiveram ampla cobertura mediática em que o tema foi apresentado de múltiplas formas. Que está a decorrer na justiça um processo movido por Teresa e Lena, duas mulheres que tentaram em vão casarem pelo civil e estão a aguardar decisão do Tribunal Constitucional. Que são frequentemente noticiados no media casamentos entre portugueses do mesmo sexo em países como o Canadá e a nossa vizinha Espanha e (não) consequências práticas dos mesmos em Portugal.

E que todas estas situações têm levado a múltiplas reacções desde artigos de opinião até sketches completos em programas humorísticos... fica a pergunta se a "coisa" foi realmente discutida na sociedade ou não...

Parece-nos que Sócrates queria realmente dizer que só vai avançar quando tiver a maioria dos eleitores a favor de tal medida... neste momento são pouco mais de 40% a favor e pouco mais de 50% contra. Esperemos que o movimento LGBT e outros movimentos sociais e políticos (incluindo não só partidos como o Bloco de Esquerda e Os Verdes, mas também a própria Juventude Socialista) consigam fazer virar esta estatística pois está visto que "igualdade" e "discutir" para o Primeiro Ministro são questões que se resumem a ter maioria dos eleitores a favor. Excepto claro, quando se fala na Lei do Divórcio que caiu de pára-quedas na sociedade portuguesa poucos dias antes da discussão do casamento civil entre pessoas do mesmo sexo.

Pode também ter interesse em:

 
On-Line
Arquivo Notícias (2008)
© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?


Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas UM e SEIS.
Depois clique em OK.

© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal