ESPANHA: País mais gay-friendly num estudo com 40 países em todo o mundo (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Segunda-feira, 21 Abril 2014 17:34

ESPANHA
País mais gay-friendly num estudo com 40 países em todo o mundo



Uma pesquisa quase global revela a vizinha Espanha como o país que menos reprova a homossexualidade.


A empresa Pew Research desenvolveu um trabalho em 40 países na Europa, Ásia, África e Américas, e revela agora alguns dos dados recolhidos.

O projeto pretende conhecer “Atitudes Globais” sobre algumas questões sociais e por isso perguntou se os entrevistados achavam a homossexualidade "moralmente aceitável" ou se não quer uma questão moral. As respostas colocaram a Espanha católica na frente com a menor taxa de reprovação.

Espanha encontrou apenas 6% dos inquiridos a dizer que a homossexualidade é "moralmente inaceitável", seguida da Alemanha com 8% dos inquiridos a reprovar moralmente a homossexualidade embora a Alemanha ainda não tenham a lei do casamento entre pessoas do mesmo sexo implementada.

França em conjunto com a Checoslováquia teve 14% dos inquiridos a reprovar moralmente a homossexualidade, aqui a particularidade do contraponto com a Alemanha, França tem na sua lei o casamento entre pessoas do mesmo sexo aprovada recentemente numa batalha politica feroz. Mas ainda mais distante está África do Sul com uma Constituição que proíbe a discriminação com base na orientação sexual há anos e também um dos primeiros países com igualdade no casamento, continua ainda longe na parte moral: 62% dos inquiridos consideram a homossexualidade "moralmente reprovável"

Mais perto do meio da tabela países como os EUA que se debatem algum tempo estado a estado pela implementação da lei do casamento para todos, encontra-se em 12º lugar na pesquisa com 37% que dizem não ser moralmente aceite, 25% diz ser aceitável e 35% referem que não é uma questão moral.

A reprovação moral não significa que a homossexualidade seja criminalizada, diz a Pew Research que a Indonésia é um exemplo disso, as suas leis não criminalizam a homossexualidade mas 98% dos inquiridos disse reprovar moralmente a orientação. A Pew revela ainda que os países escandinavos não foram entrevistados, acredita a empresa que os mesmos teriam elevadas taxas de aprovação uma vez que quase todo a região legalizou o casamento entre pessoas do mesmo sexo, esclarece a Pew. Portugal não faz parte da lista dos 40 países inquiridos.

ESPANHA: País mais gay-friendly num estudo com 40 países em todo o mundo

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas TRÊS e QUATRO.
Depois clique em OK.

© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal