ARGENTINA: Casamento aprovado no Senado (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Quinta-feira, 15 Julho 2010 10:43

ARGENTINA
Casamento aprovado no Senado



A votação de 33 contra 27 aconteceu às 4:05 da manhã com 3 abstenções. A Câmara baixa já tinha aprovado a lei, e a Presidente Cristina Fernández de Kirchner apoia a medida.


"O casamento entre pessoas do mesmo sexo é lei na Argentina" disse três o presidente do Senado após a votação ser apresentada no painel electrónico da assembleia.

O debate prolongou-se por quase 15 horas

"O resultado despoletou euforia entre os activistas (LGBT) que, apesar do frio polar que congela a cidade, fizeram uma vigília na Plaza of the Two Congresses," pode ler-se no jornal Clarin de Buenos Aires.

"O voto histórico de hoje mostra até onde a Argentina Católica conseguiu ir, desde a ditadura até valores realmente democráticos, e até que ponto o movimento da liberdade-para-casar tem progredido quando doze países em quatro continentes têm agora a igualdade no casamento" disse Evan Wolfson, dirigente do grupo Freedom to Marry dos EUA.

"A chave para este avanço nos direitos humanos na Argentina foi a forte liderança por parte dos legisladores e da presidente. Está na altura de vermos os nossos representantes eleitos a defenderem a Constituição e todas as famílias aqui nos Estados Unidos", disse Wolfson. "OS EUA devem estar na frente e não na cauda quando a questão é tratar igualmente todos sob a lei".

O debate foi acalorado com críticas fortes à Igreja Católica ."Sou um homem católico, não praticante. Mas casei-me, tenho filhos e estão baptizados, e senti-me constrangido com as palavras de quem deveria ser meu pastor. Monseñor Bergoglio não deveria ter dito que é a inveja do demónio que está nesta lei", disse o senador Alfredo Martínez.

E senadores que tinham afirmado anteriormente que se iriam opor, afinal decidiram-se pela abstenção como María Bongiorno defendendo assim, indirectamente, os direitos dos casais de gays e lésbicas.

O resultado da votação também foi influenciado pela decisão do presidente do Senado de não aceitar uma proposta de última hora que pretendia estabelecer uma lei de união civil específica para gays e lésbicas e com um nome diferente de casamento.

O casamento civil entre pessoas do mesmo sexo é agora legal na África do Sul, Argentina, Bélgica, Canadá, Espanha, Islândia, Noruega, Países Baixos, Portugal, Suécia, Cidade do México, Connecticut, Iowa, Massachusetts, New Hampshire, Vermont e Washington, D.C.

ARGENTINA: Casamento aprovado no Senado

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas DOIS e SEIS.
Depois clique em OK.

© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal