Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Sábado, 9 Março 2013 00:10

SANTA SÉ
12 Cardeais são acusados de ignorarem casos de pedofilia



Doze cardiais são acusados de não terem dado o devido tratamento a casos de abusos sexuais dentro da Igreja Católica.


Antes uma semana do inicio do conclave que vai eleger o próximo Papa, surge uma lista denominada por ?Dirty Dozen?. Apresentada por um grupo auto-denominado "sobreviventes de abuso sexual" (SNAP) a lista denuncia 12 cardeais que não terão dado o devido tratamento e atenção às denuncias que receberam de cleros das suas dioceses que seriam responsáveis por abusos sexuais sobre menores.

Existem três norte-americanos na lista (Timothy Dolan de Nova Iorque, Sean O?Malley de Boston e Donald Wuerl de Washington, DC), mais dois italianos (Tarcisio Bertone e Angelo Scola), mas constam ainda nomes do México (Norberto Rivera Carrera), Honduras (Oscar Rodriguez Maradiaga), Austrália (George Pell), Canadá (Marc Ouellet), República Checa (Dominik Duka), Gana (Peter Turkson) e Argentina (Leonardo Sandri). Aguns estão na lista por terem proferido declarações desprovidas de sensibilidade para com o assunto.

O representante de um dos cardeais presentes na lista disse aos jornalistas que não comentava a lista ou o grupo alegando que não merece a menor credibilidade. Já Federico Lombardi, porta-voz do Vaticano desvaloriza a lista dizendo que não é esse grupo que decide quem vai ao conclave ou é escolhido como futuro Papa, acrescentando "os cardeais podem decidir sem pedir concelhos à SNAP".

Mas uma sondagem recente nos EUA sobre quais os problemas que a Igreja encara nos tempos de hoje, 34% apontaram os abusos sexuais como sendo o principal "senão", e nenhuma outra preocupação teve mais de 10% de interesse, sendo que a credibilidade e a confiança na igreja foram outro dos assuntos apontados pelos inquiridos.

A SNAP deseja que o sucessor de Bento XVI exija a cada Cardeal espalhado pelo mundo que denuncie os padres que tem conhecimento estarem envolvidos com abusos sexuais, e entregá-los à justiça.

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2021 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas CINCO e SEIS.
Depois clique em OK.

© 1996-2021 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Queer Lisboa | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal