GRÉCIA: Quatro polícias acusados de infligir "dano fatal" ao ativista Zak Kostopoulos (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Quarta-feira, 5 Dezembro 2018 18:11

GRÉCIA
Quatro polícias acusados de infligir "dano fatal" ao ativista Zak Kostopoulos



Quatro polícias gregos foram envolvidos por infligir "danos corporais fatais" a Zak Kostopoulos depois que ter sido espancado em plena luz do dia.


As imagens das câmaras de vigilância permitiram aos investigadores do incidente identificar os quatro polícias acusados de espancar o homem de 33 anos quando ele se encontrava no chão durante o processo de colocarem-lhe algemas.

Eles têm agora até 12 de dezembro para prepararem as declarações de defesa, de acordo com o jornal jornal grego Kathimerini.

Zak Kostopoulos era homossexual e um proeminente ativista das questões LGBT+ que foi violentamente espancado por dois homens numa zona comercial de Atenas. Um vídeo divulgado na Internet mostra Kostopoulos desamparado e a ser agredido violentamente por dois homens frente a uma multidão até ficar inconsciente no chão. Kostopoulos terá morrido a caminho do hospital depois de ter sido algemado pela polícia que, entretanto, chegou ao local.

Kostopoulos era também um membro ativo da Voz Positiva, uma associação grega VIH+ e um artista de drag popular que se apresentava sob o nome de Zackie Oh.

GRÉCIA: Quatro polícias acusados de infligir "dano fatal" ao ativista Zak Kostopoulos

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas UM e DOIS.
Depois clique em OK.

© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal