Pesquisa:
 

Quarta-feira, 2 Março 2016 11:28

PORTUGAL
Dois pugilistas fora do ring trocam argumentos, mas sem luvas.



Manny Pacquiao aka Pac-man conhecido pugilista filipino escreveu num post do instagram, já eliminado, que os homossexuais deviam ser condenados à morte.


O pugilista justifica a sua afirmação com a Bíblia e as suas crenças religiosas.

As respostas

Dave Bautista Jr aka Batista é ator e lutador de artes marciais tem e ou tinha em Pac-man uma referência, mas perante o post de Pac-man Batista reagiu de forma direta. Disse Batista que sendo a sua mãe lésbica ele não pode aceitar tal afirmação. Batista chama Pac-man de idiota e adianta que o vê o seu post como uma opinião pessoal e que não obstante o respeito que tem por ele enquanto lutador, não entende como ele chegou a “este lixo”.

Mas Batista não foi o único a reagir, Orlando Cruz pugilista porto-riquenho e homossexual disse num vídeo que gravou a propósito.

“Olá, Manny. Para você ter dito isso aos homossexuais você é um irresponsável. Eu sou homossexual, e você não deveria falar sobre meu estilo de vida. Deus pede que nos amemos incondicionalmente, e eu o convido a me conhecer pessoalmente e talvez você pense diferente. Talvez, ainda possamos fazer uma sessão de sparring. Estarei rezando por você e por sua família.”

Depois das reações de Batista, Cruz e Ronda Rousey, judoca e ex-campeã mundial de MMA, a vida do pugilista filipino Pac-man não ficou nada fácil. A Nike que o patrocinava faz algum tempo retirou-lhe esse patrocínio, uma postura que segue o princípio de anti-homofobia de outras marcas como a Adidas.

Pode também ter interesse em:

 
On-Line
Arquivo Notícias (2016)
© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?


Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas TRÊS e QUATRO.
Depois clique em OK.

© 1996-2024 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal