Notícias - ESPANHA: Mulheres Europeias Marcham em Vigo (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Quinta-feira, 29 Abril 2004 00:58

ESPANHA: Mulheres Europeias Marcham em Vigo




A luta por uma Europa igualitária deverá juntar milhares de mulheres em Vigo já no próximo mês. A iniciativa é da Coordenadora Europeia da Marcha Mundial das Mulheres, agendou a manifestação para aquela cidade galega para exprime solidariedade para com as vítimas do "Prestige", o petroleiro que naufragou ao largo do Cabo de Finisterra em Novembro de 2002. A estratégia nasceu no Quebeque, no Canadá, em 1995. Cerca de 850 mulheres caminharam durante dez dias, ao longo de mais de 200 quilómetros, a pedir, simbolicamente, "pão e rosas". Viajou, depois, até Pequim, palco da IV Conferência Mundial das Mulheres, onde nasceu uma declaração planetária a reivindicar acções concertadas de luta contra a pobreza e contra a violência de género. Dois terços dos pobres do mundo são do sexo feminino. Para combater essa crua realidade e a violência, as feministas decidiram voltar às acções de rua. Engendraram a Marcha Mundial 2000, que chegou a concentrar mais de seis mil associações de 161 países e angariou mais de cinco milhões de assinaturas. Voltam à carga em 2005, dez anos depois do Quebeque. Com uma carta para a humanidade, que irá circular pelo planeta numa espécie de corrida de estafeta. Desde Pequim, a plataforma tem organizado diversos eventos. Nos próximos dias 22 e 23 de Maio, instalam-se em Vigo, onde deverá decorrer um feira feminista, três debates, um concerto e uma manifestação. "Queremos ser escutadas no processo de redacção da futura Constituição europeia", dizem em comunicado. "Lutamos pela igualdade entre homens e mulheres em todos os âmbitos: político, económico, social e cultural", sublinham também. Para além dos contributos feministas à Constituição Europeia, pretendem discutir a "sustentabilidade ecológica" e a sua "resistência". A feira - que será instalada na zona portuária de Vigo - terá nove espaços temáticos: violência, feminização da pobreza, direitos laborais, imigração, ambientalismo, educação para a igualdade, liberdades sexuais, antimilitarismo, saúde e direitos reprodutivos. Mais para a noite, e para relaxar, está previsto um concerto. Uxía, Mercedes Peón, Amparanoía, Souad Massi e Tucanas já confirmaram as respectivas presenças no palco do Parque de Castrelos. A manifestação - que se espera vir a congregar milhares de mulheres europeias - planeou-se para domingo. A marcha, sairá da Plaza dos Cabalos por volta das 12h00, sob o lema: "Diferentes sim, desiguais não. Marcha connosco por uma Europa igualitária".

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2017 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas UM e CINCO.
Depois clique em OK.

© 1996-2017 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal