SANTA SÉ: Papa Francisco contra reconhecimento LGBT na ONU (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Sábado, 26 Setembro 2015 11:13

SANTA SÉ
Papa Francisco contra reconhecimento LGBT na ONU



O Papa Francisco no seu primeiro discurso na Assembleia Geral da ONU esta sexta-feira criticou a "colonização idológica" no contexto do reconhecimento das questões LGBT.


No discurso o Papa Francisco denunciou o que chamou de "colonização ideológica" que segundo ele obriga os povosa a "padrões anormais de vida e irresponsável", numa referência implícita a teoria de gênero e casamento gay.

Segundo ele alguns procuram "promover uma colonização ideológica através da imposição de modelos e estilos de vida anormais alheios à identidade dos povos e, em última análise, irresponsáveis." Ele convida a ONU a reconhecer "a lei moral inscrita na própria natureza humana, que inclui a distinção natural entre homem e mulher".

Com esta simples frase o Papa Francisco repete a mensagem tradicional da Igreja contra não só o reconhecimento das uniões entre gays e lésbicas e respetivas famílias, como a possibilidade de alguém não seguir os papeis de género tradicionais. A mesma mensagem que tanto tem prejudicado os direitos LGBT um pouco por todo o mundo.

SANTA SÉ: Papa Francisco contra reconhecimento LGBT na ONU

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2019 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas DOIS e SEIS.
Depois clique em OK.

© 1996-2019 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal