PORTUGAL: "Los Objectos Amorosos" é a melhor longa do Queer Lisboa 21 (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Domingo, 24 Setembro 2017 19:32

PORTUGAL
"Los Objectos Amorosos" é a melhor longa do Queer Lisboa 21



Ontem foi noite de encerramento do Festival de Cinema Queer Lisboa 21, na Sala Manoel de Oliveira do Cinema São Jorge, onde foram anunciados os vários prémios.


O Júri da Competição de Longas-Metragens, composto por Isabel Abreu, Marcos Rocha e Yann Gonzalez decidiu os vencedores dos seguintes prémios:

O Prémio para a Melhor Longa-Metragem desta edição do Queer Lisboa foi atribuído à longa-metragem: Los Objetos Amorosos (Espanha, 2016) de Adrián Silvestre, um prémio no valor de 1000 EUR, atribuído pelo CheckpointLx.

O Júri decidiu dar o prémio de Melhor Atriz a Laura Rojas Godoy e a Nicole Costa pelas suas interpretações em Los Objetos Amorosos.

Já o prémio de Melhor Ator foi atribuído a Owen Campbell, pela sua interpretação em As You Are (EUA, 2016), realizado por Miles Joris-Peyrafitte.

O Júri atribuiu ainda um Menção Especial a Corpo Elétrico (Brasil, 2016), realizado por Marcelo Caetano.

Para o Prémio do Público da Competição de Longas-Metragens, o público do Queer Lisboa 21 premiou Close-Knit (Japão, 2017), de Naoko Ogigami.

O Júri da Competição de Documentários, composto por Luísa Homem, Rui Filipe Oliveira e Sérgio Tréfaut, decidiu atribuir o Prémio de Melhor Documentário ao filme Small Talk (Taiwan, 2016), realizado por Hui-Chen Huang, um prémio no valor de 3000 EUR atribuído pela RTP2, pela compra dos direitos de exibição do filme neste canal.

O mesmo Júri decidiu ainda atribuir uma Menção Especial a Vivir Y Otras Ficciones (Espanha, 2016), realizado por Jo Sol.

No Prémio do Público da Competição de Documentários, o filme premiado foi Entre os Homens de Bem (Brasil, 2016), realizado por Caio Cavechini e Carlos Juliano Barros.

O Júri da Competição de Curtas-Metragens, composto por Ana Moreira, Jorge Jácome e Francisco Moreira, decidiu atribuir o Prémio de Melhor Curta-Metragem ao filme Les Îles (França, 2017), realizado por Yann Gonzalez, um prémio no valor de 1500 EUR, atribuído pela RTP2, pela compra dos direitos de exibição do filme neste canal.

O mesmo Júri atribuiu uma Menção Especial a Coelho Mau (Portugal, França, 2017), realizado por Carlos Conceição.

Já o Público do Queer Lisboa premiou a curta Tailor (Brasil, 2017), realizada por Calí dos Anjos.

O Júri da Competição In My Shorts, composto por João Villas-Boas, Nádia Henriques e Ricardo Vieira Lisboa, decidiu atribuir o Prémio de Melhor Filme de Escola à curta-metragem Etage X (Alemanha, 2016), de Francy Fabritz.

Foram ainda atribuídas duas Menções Especiais a Loris Sta Bene (Itália, 2017), de Simone Bozzelli, e Rute (Portugal, 2017), de Ricardo Branco.

Por sua vez, o Júri da Competição Queer Art, composto por Carlota Lagido, Colby Keller e João Onofre, decidiu atribuir o Prémio de Melhor Filme Queer Art a Occidental (França, 2017), realizado por Neïl Beloufa.

O mesmo júri atribuiu ainda uma Menção Especial a A Destruição de Bernardet (Brasil, 2016), realizado por Claudia Priscilla e Pedro Marques.

Foram 90 filmes de 32 países diferentes numa semana de emoções intensas. Fica já o encontro marcado para o Queer Lisboa 22, de 14 a 22 de setembro de 2018. Não esquecendo mais uma edição do Queer Porto de 4 a 8 de Outubro de 2017.

Foto-galeria

Veja as fotos do evento aqui

PORTUGAL: "Los Objectos Amorosos" é a melhor longa do Queer Lisboa 21

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2017 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas CINCO e SETE.
Depois clique em OK.

© 1996-2017 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal