PAÍSES BAIXOS: Exposição recusa expor obra com Maomé 'gay' (PortugalGay.pt)
Pesquisa:
Parceiro PortugalGay

Segunda-feira, 3 Dezembro 2007 12:37

PAÍSES BAIXOS
Exposição recusa expor obra com Maomé 'gay'



O trabalho que colocava o profeta Maomé com o seu genro Ali como se fossem um casal homossexual, realizado pela artista iraniana Sooreh Hera, foi oficialmente recusado.


Sooreh Hera queria criticar o que considera ser uma hipocrisia da religião muçulmana, mas o Gemeentemuseum recusou ser alvo de contestações e não admitiu o seu trabalho para a mostra designada 7Up, que decorre este mês, dedicada a estudantes recém-licenciados do curso de Artes. O museu justificou que as obras "poderiam aborrecer certos sectores da população" e "um centro de arte não é um fórum político".

"Condena-se a homossexualidade, mas nos países como o Irão e a Arábia Saudita é normal que os homens casados mantenham relações com outros homens", alega Sooreh Hera, de 34 anos.

A artista vive há sete anos nos Países Baixos, onde frequenta a Academia de Belas Artes de Haia, sendo conhecida pelos seus retratos de ambiente homossexual. Para esta exposição tinha incluído dois iranianos entre os seus modelos que não queriam ser reconhecidos com medo de possíveis represálias. Então, Sooreh Hera optou por colocar-lhes máscaras com os rostos de Maomé e Ali.

O título do seu trabalho, Adão e Evaldo, também quer dizer muito. Joga com os nomes de Adão e Eva, mas vestindo-os e encaixando-os numa cena com pose gay.

Há também outros homens captados pela objectiva da artista iraniana, mas são de nacionalidade holandesa, o que não impediu Sooreh Hera de ter recebido diversas ameaças de sectores mais radicais, que denunciou à polícia holandesa. "Sei que o que faço é perigoso, mas também creio que o valor da minha obra está acima de qualquer pessoa", alega a jovem artista.

Desde o assassínio do jovem cineasta holandês Theo van Gogh por um compatriota muçulmano de origem marroquina, devido às críticas ao islão, vários artistas expressaram o desagrado ao fundamentalismo através das suas obras. Como as caricaturas dinamarquesas, que provocaram um conflito internacional.

Pode também ter interesse em:

 
© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
A Sua Opinião
Tem alguma sugestão ou comentário a esta página?
Publicar a pergunta e resposta no Facebook PortugalGay.pt.

Nota: reservamos-nos o direito de selecionar e/ou ajustar as perguntas publicadas.

Não é um robot

Por favor marque as caixas UM e TRÊS.
Depois clique em OK.

© 1996-2018 PortugalGay®.pt - Todos os direitos reservados
Portugal Gay | Portugal LGBT Pride | Casamento Civil para Todas as Famílias | Queer Lisboa | Jovem Gay | Portugal LGBT Guide | Mr Gay Portugal